Ligue: (62) 98104-7470 | WhatsApp: (62) 3208-6915 [email protected]

Os investidores de Mogno Africano estão alcançando resultados extraordinários com dois tipos diferentes de espaçamento. Alguns de nossos clientes preferem plantar cerca de 400 mudas por hectare, o que gera um espaçamento de 5×5. Neste caso, aos dez anos de idade das florestas, você já pode fazer corte de metade das unidade e levar o restante para o corte final.

Outra linha de espaçamento também muito interessante é do cultivo em uma área maior, utilizando entre oito e dez metros para cada muda, que proporciona a possibilidade de plantio de até 300 mudas por hectare. Neste caso, a qualidade da madeira tem seu valor industrial elevado pela produção de pranchas maiores.

De acordo com o sócio-proprietário da Mudas Nobres, Canrobert Tormin Borges, ambas formas de espaçamento têm resultados positivos.

“Trabalhando com aproximadamente 300 plantas, você conduz o cultivo em um espaçamento maior, o vai gerar um tronco com maior diâmetro, não vai ter perda significativa em relação a quantidade de metros cúbicos de madeira por hectare e, em contrapartida, terá um melhor aproveitamento industrial, com mais condições de fazer pranchas de maior tamanho. Então, isso acaba valorizando a madeira”, explica.